segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Comentários e Críticas - I

Embasadíssimo e muito pertinente comentário da amiga ANORKINDA NEIDE em meu poema QUEDA publicado na Revista ENTRECONTOS LITERATURA.

"É um poema bem trabalhado, sem dúvida… mas me deixa dúvidas… hehehe
Os dois primeiros parágrafos: pictografar, tatuar, calcar, cristalizar signos, achei tudo a mesma coisa, como sinônimos para ‘encher’ o poema.
Tanto mais a vida me reflui
mais me infinito em paradoxos.
Adorei isto! achei este verso maravilhoso! e simplesmente, ele vive sozinho, acho q nem encaixa neste poema, pra dizer a verdade.
e novamente: desguarnecido de asas, apeado de asas, voo se desata no chão…. tudo a mesma coisa… poderia dizer isto uma só vez, num verso só. O poema ficaria mais forte.
A mensagem é muito bonita e intimista, cortando repetições de ideias, daria um belo e forte poemeto!
Abração"

http://entrecontos.com/2015/06/25/queda-francisco-ferreira/

2 comentários: