sábado, 27 de fevereiro de 2016

Poemas Publicados 2016 - Revista ESCRITORES - 249 - Ano XXII - fevereiro/2016


Foto do autor


Queda

Calcar na rocha a rubrica da dor
tatuar no sangue espesso
cristalizar signos
da cruz de todo o dia.

Pictografar a pele
na tortura do voo revés
desguarnecido das asas
com que sonhei-me anjo
ou pássaro...

Tanto mais a vida me reflui
mais me infinito em paradoxos.
Assimilo-me às pedras e perdas
faço-me montanhas. Túmulos...

No desamparo da queda
apeado de asas
em múltiplas âncoras
álibis ou habeas-corpus tão inúteis.


 O voo se desata no chão.


O meu poema QUEDA foi publicado na página 23 da revista ESCRITORES - número 249 - Ano XXII - fevereiro/2016, do Clube de Escritores de Piracicaba (SP).

Nenhum comentário:

Postar um comentário