segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Poemas Publicados - 2016 (Número 366 - Ano III)

Córrego do Ginásio. Foto: Francisco Ferreira

Remissão

Absolvo-te...
por amares demais e pecares
pelo amor e por seduzires
por dar-te , aos pares e triplos.

Redimo-te
por minha prece interrompida e coito
a tentativa malograda de suicídio
e o meu melhor atirado aos javalis.

Perdoo-te
as horas insones e lembranças
pairando inodoras sobre os frascos
e perfumes corporais.

Relevo-te
as perdas e ganhos
e a danação final irreversível.

Classificado para a antologia do I CONCURSO DE CONTOS E POESIAS DA FLISI 2016 e publicado em 20/11/16 na página do concurso, conforme o link a seguir:

https://www.facebook.com/events/442367892600160/?active_tab=discussion

Nenhum comentário:

Postar um comentário