domingo, 22 de fevereiro de 2015

Meus Poemas Preferidos V


Fonte: racismoambiental.net.br

Morte do Operário

Seria um bom dia para se morrer...

Não fosse hoje quarta-feira,
Não fosse fevereiro, verão
Eu não tivesse levantado
E desdenhando a madrugada,
Vergado sob o peso da fábrica
Os olhos vermelhos de álcool
E noite mal dormida
Não tivesse ido trabalhar.

Não fosse hoje quarta-feira
Não fosse meados de mês
E entressafra de salário e as contas
Água, luz, condomínio, clube
E o dono do boteco de cara fechada,
Má vontade em servir a pinga,
Não tivesse me atrasado
E perdido o ônibus, o trem, o avião.

Não fosse hoje quarta-feira
Não fosse o patrão zangado
O relógio intermitente e delator,
Os olhos inquisidores dos colegas,
O ponto cortado, a ameaça de desemprego,
A mulher exigente e envelhecida
Os filhos, a geladeira vazia
Não tivesse avançado o sinal.

Não fosse hoje quarta-feira,
Fevereiro, verão, meados de mês
Não fosse...


Não fosse hoje quarta-feira...

Nenhum comentário:

Postar um comentário