sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Poemas Classificados XL


Fonte: ultradownloads.com.br

Um Sonho

Almejo o meu país onde a criança
não tenha sua inocência ultrajada,
em que se veja sua infância respeitada,
onde fulgure o verdor da esperança.

Em que impere o amor, a temperança
e que seja a violência estancada;
quero a Ordem e o Progresso de mãos dadas,
que finde a tormenta... venha a bonança.

Quero a paz uma constante certeza,
que não se explore o trabalho infantil
e emerjamos desta infinda torpeza;

ver meu povo feliz e varonil
e preservar-se nossa natureza 
e essa utopia transformar-se em BRASIL.

IV Lugar em Poesia Clássica no VIII CONCURSO INTERNACIONAL DE POESIA 2003
 do Clube Pan-Americano Enrique Salazar Cavero - Pelotas (RS) e publicada nos ANAIS DO VIII CONCURSO INTERNACIONAL DE POESIA 2003 (do mesmo promotor).

Nenhum comentário:

Postar um comentário