terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Poema Classificado 2017 - 001 (N.º 397 - Ano III)

Foto: Francisco Ferreira.

Remissão

Absolvo-te
por amares demais e pecares
pelo amor e por seduzires
por dar-te, aos pares e triplos.

Redimo-te
por minha prece interrompida e coito
a tentativa malograda de suicídio
e o meu melhor atirado aos javalis.

Perdoo-te
as horas insones e lembranças
pairando inodoras sobre os frascos
e perfumes corporais.

Relevo-te
as perdas e ganhos
e a danação final irreversível.


Classificado para a revistas LITERA LIVRE – n.° 01 (Campinas -SP) – em 9/1/17.

http://cultissimo.wixsite.com/revistaliteralivre/selecionados

Nenhum comentário:

Postar um comentário